quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

VOU ME CALAR




Se bem me lembro
Você me disse
Que o amor existia


Era setembro
E, se você me ouvisse
Não partiria...


Se eu me recordo
Te ouvi dizer
Que era eterno...


E hoje, eu acordo
Sem sequer saber
Se estou no inferno


Se estou errada
Te peço perdão...
Não é o que eu queria


Já não vale nada...
Não há mais razão...
Já não conto os dias...


Não vou mais pensar
No que poderia fazer
Se eu ainda pudesse...


Eu vou me calar
Mas não esquecer
Pois, amor não se esquece...



6 comentários:

Nathi disse...

Nossa, que lindo! *__*

Meu grande romance começou em setembro... *_*

Tiago Moralles disse...

Fofíssimo.
RSS assinado.
Microbeijo linda.
Ah, obrigado pelo carinho do SMS.

Natalya Nunes disse...

Obrigada, queridos!

Nathi... tomara que seu grande romance nunca seja esquecido.

E Ti, que honra ter vc por aqui...vc que é um 'fofíssimo'..rs

Naty disse...

Um verdadeiro amor jamais se esquece, apenas adormece dentro de nós e quando o "cutucamos" renasce com mais força e se petrifica dentro de nós.

Beijos.

Gordinha disse...

Nossa, seu blog esta um arraso!

Faz tempo que naum passo por aqui!

Bjs!
=D

Barbara C disse...

que lindoo! Que poeta romantica menina adoro!

Postar um comentário