sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

EMINÊNCIA

Fiz esse dueto com meu querido amigo Junior Leal.


Se tens o meu amor 
com desdém ou desperdício 
para mim, vai muito além 
de uma sina ou um vício  
(Naty)

Se tens em tuas palavras 
Dos sonhos, só resquícios 
Meus sonhos jamais morrem, 
São os próprios precipícios  
(Junior)  

Se me tens em tua vida 
por distração ou artifício, 
saiba que em meu coração 
te querer se fez ofício.  
(Naty)

Mas sei que, não por isso, 
Eu que só sei amar intenso 
Teu desdém, desperdício, 
Não mudará o que penso: 
(Junior)

Eu sei ler em teu olhar 
que de paixão, mostra indícios 
de desejo e mistérios 
que desvendei, desde o início.
(Naty)  


E lendo, assim, com calma 
Vi a eminência de dois caminhos 
Distintos, distantes, e as almas 
Por fim, a sós, sorrindo! 
(Junior)

E te vendo assim, sorrindo 
não imagino te ter, distante 
desfrutando de teus carinhos 
e de teus beijos abrasantes. 
(Naty)

Um comentário:

Nathi disse...

Assim... De boca aberta!

Amei seu lirismo... E do seu amigo também!

Perfeitos! :)

Seguindo!

Postar um comentário