quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

AINDA TE AMO


Não quero me acostumar
a seguir a vida sem você...
Sem teu sorriso a iluminar
todo o céu ao amanhecer.

Não vou saber nem caminhar
se não tiver tua mão na minha.
Se eu não o tiver a me guiar
não saberei seguir sozinha.

Não poderei jamais sorrir
tampouco tentar te esquecer...
se eu não puder te ter aqui, 
apenas poderei sofrer.

Eu tenho que admitir
e saberei pagar o preço...
pois, seu amor eu já perdi,
mas ainda te amo...eu reconheço!

3 comentários:

Adolfo Payés disse...

Bellos versos.. un placer leerte

Un abrazo
Saludos fraternos..

Barbara C disse...

Ainda te amo reconheço ,quantos coraçoes aflitos não vivem assim?

Lindos versos.

bjs

Natalia Araújo disse...

Profundo, Naty.
Lindo, heim!

Tem um presente pra você lá em meu blog.
Espero que goste do selo.

Beijos.

Postar um comentário